The Revival reage aos rumores sobre pedido de liberação da WWE

Diego 01/02/2020

Conforme noticiamos nesta sexta-feira (31), Scott Dawson e Dash Wilder, que juntos formam o The Revival, voltaram a pedir a liberação de seus contratos da empresa de Stamford devido ao seu status e má utilização dentro da programação televisiva da WWE.

Vale destacar que essa não é a primeira vez que a dupla pede sua liberação da empresa e provavelmente é um movimento planejado com antecedência tendo em vista que eles recusaram cinco grandes ofertas por parte da WWE no ano passado.

No entanto, parece que os lutadores seguem despistando, isso é o que deu a entender Scott Dawson em uma recente publicação em sua conta oficial do Twitter. Nela, ele não confirma nem desmente esses rumores, mas usa a ocasião para criticar aqueles fãs que os criticaram por suas possíveis ações nas últimas horas.

“Se concordamos, vocês dizem que somos preguiçosos e complacentes. Se tentarmos melhorar, vocês dizem que estamos reclamando e reclamando.
Se decidam”
, escreveu Scott Dawson na mensagem.

É importante lembrar que há algumas semanas atrás, a dupla solicitou o registro das marcas Shatter Machine e #FTRKO. O fato de Wilder já possuir os direitos sobre o termo #FTR acendeu ainda mais os rumores da saída do The Revival da empresa de Stamford.

Os contratos dos ex-SmackDown Tag Team Champions com a WWE expira em abril, no entanto, foi conhecido que a poderosa de Stamford recentemente adicionou mais dez meses ao contrato de Dash Wilder para compensar o tempo em que o mesmo ficou de molho após quebrar a mandíbula em 2016.