Lutadores mexicanos da AEW não teriam como viajar para os Estados Unidos para os shows da empresa

Vitor Borges 22/05/2020

Segundo informa a edição mais recente do Wrestling Observer Newsletter, o fechamento das fronteiras dos Estados Unidos devido ao coronavírus seria um problema para a AEW. Segundo o Observer, a empresa atualmente não tem a possibilidade de ter os talentos de sua empresa parceira no México, a Lucha Libre AAA.

Alguns dos talentos da AAA que não conseguem chegar aos Estados Unidos são nomes muito comuns na programação da AEW, como Pentagon Jr. e Jack Evans. Quem chegou à Flórida há algumas semanas foi Rey Fenix, que lutará no Double Or Nothing na Cassino Ladder Match neste sábado(23).

Com relação às restrições de viagem nos Estados Unidos, as fronteiras com o México e o Canadá devem permanecer fechadas por pelo menos mais um mês, o que seria um problema para os talentos de grandes empresas americanas residentes em um algum desses países.