HOW Fantasy – Chapter 18: “Atlas em disputa”

Fábio Pontes 18/04/2020

Na noite do próximo sábado, dia 18 de abril, a House of Wrestling realiza mais um dos seus Chapters, diretamente do Memorial Coliseum em Portland, Oregon.

Estas são as lutas anunciadas: 

  • Main Event – Atlas Championship Match: Luke Harper (c) vs AJ Styles
  • EC Rematch: Angel Garza vs Drew McIntyre
  • Singles Match: CM Punk vs Jimmy Havoc
  • Singles Match: John Cena vs Adam Page
  • Singles Match: Christian vs Adam Cole
  • Singles Match: Randy Orton vs Mankind

Estes são outros destaques: 

  • O candidato ao Intercontinental Championship The Miz vai realizar uma edição do MizTV que contará com o novo campeão Keith Lee como convidado.
  • Sami Zayn irá abordar a sua vitória no Elimination Chamber que lhe deu a chance de desafiar Shane Strickland no HOWnniversary.
  • Que rivalidades se irão iniciar rumo ao maior PPV do ano?

Confira tudo isso e muito mais, sábado, a partir das 18h, aqui na House of Wrestling.

Cobertura: 

Estamos no Memorial Coliseum em Portland, Oregon, com mais um dos grandes shows da House of Wrestling rumo ao HOWnniversary. Após imagens de alguns dos melhores momentos do Elimination Chamber, evento o qual foi realizado no passado fim de semana, somos recebidos por algumas pirotecnias na arena antes de sermos dirigidos até aos nossos comentaristas. Mauro Ranallo e Nigel McGuinness estão super entusiasmados após esse grande evento e nos falam rapidamente sobre o HOWnniversary, em especial na luta Shane Strickland vs Sami Zayn que valerá o HOW Championship e já está marcada. 

Logo após isso, “Off the Chain” ecoa na arena e Robert Roode surge sob vaias dos fãs. Ele caminha até ao ringue com o seu terno, estando bastante calmo e confiante, pedindo um microfone para falar.

Roode: Senhoras e senhores, como líder da Robert Roode Corporation e agente daquele que será o vosso próximo grande líder, decidi vir até este ringue. Estamos a falar de alguém que apenas não é mais inteligente do que eu, pois convém dizer que eu sempre fui uma das mentes brilhantes da indústria, de alguém que é bastante ágil, rápido, entre outras tantas qualidades. Estamos falando daquele que derrotou outros cinco adversários, aqueles que vocês consideram como alguns dos melhores desta empresa, num combate brutal como o Elimination Chamber. Eu já atuei nos Main Events dos maiores eventos de várias grandes empresas e agora é a sua vez. Sem mais demoras, eu trago até vós a pessoa que vai destronar Shane Strickland no HOWnniverary. Batam palmas para o maior canadense em atividade, Sami Zayn!

“¡Olé!” é tocada, o que faz despoletar uma enorme chuva de vaias dos fãs. Ele caminha com os seus típicos movimentos irônicos até ao ringue, onde aperta a mão de Roode antes de receber um microfone da produção.

Zayn: Obrigado por esta apresentação, Roode, é uma honra ser agenciado pelo maior nome que esta indústria já viu. A minha grandeza não se compara à de ninguém nesta empresa e foi um ultraje Leonardo não me colocar diretamente no combate principal do HOWnniversary, parecia que ele queria botar alguma emoção no processo… Pois bem, parece que o seu plano de dar emoção não correu muito bem, pois aquele que todos esperavam que vencesse venceu. Sejamos honestos, dentre aqueles seis lutadores que participaram no Elimination Chamber, os quais são referidos como alguns dos lutadores de topo da HOW, eu era aquele que me destacava. Quem ele queria que vencesse aquela porra? Luke Harper? Kevin Steen? Ahahahah, vamos rir, Roode.

Robert Roode lança um sorriso seguido de algumas palavras.

Roode: É até um insulto você estar no mesmo combate que esses falhados. Todos sabem que você merece melhores adversários, mas vindo desta empresa não me admira.

Zayn: Leonardo deve se sentir arrependido por essa decisão, apenas provou que os seus melhores nomes são um fracasso perto de mim. Vergonha! Mas bem, aqui estamos nós com uma luta pelo HOW Championship marcada para o HOWnniversary. Eu lhe prometi, Shane, lhe prometi que iria atrás do seu ouro quando trai Chris Hero, e aqui estou eu, cumprindo com a minha palavra. Mas isso é somente a primeira parte da minha promessa, pois ela só se cumprirá totalmente quando eu vingar aquela trágica noite do New Beginning. Shane, a partir deste momento, toda a sua carreira irá entrar em decadência, pois irei lhe tirar esse cinturão que transporta em sua cintura e expor a fraude que é…

E o público solta um enorme pop, pois começa a ecoar “Swerve’s House”. O próprio HOW Champion Shane Strickland surge com essa enorme reação dos fãs que o aplaudem depois do seu grande esforço para se manter campeão no Elimination Chamber. Ele entra no ringue e se aproxima de Zayn, no entanto, Roode se mete no meio para os afastar.

Roode: Não se atreva a tocar com essas mãos imundas no meu cli…

Em um rápido movimento, Strickland rouba o microfone das mãos do “It Factor”. O HOW Champion não parece minimamente intimidado pela sua presença e começa a falar na cara de Roode.

Strickland: O seu tempo já passou, velhote. Os momentos de glória que tivera em seu passado foram substituídos pela excentricidade de uma nova estrela, a qual é comumente chamada de “Swerve” e coloca plateias inteiras a cantar seu nome. Então, Robert, eu apenas lhe darei uma chance de se retirar do meu caminho. Caso não acate o aviso que lhe está sendo feito, então lamento informar que se tornará mais uma vítima do “Wrestling’s Most Wanted”!

Roode não parece disposto a recuar depois da ameaça, no entanto, Zayn faz um movimento que diz que ele pode se desviar. Bastante relutante, o “It Factor” se retira da frente do “Swerve”, mas não antes de lhe olhar diretamente nos olhos.

Strickland: Agiu sabiamente, Roode. Todos sabem que o seu legado nesta indústria se começou a ofuscar pelo legado da estrela mais brilhante, não sinta receio de mostrar a sua inveja. – diz ele com alguma troça antes de dar dois passos em frente para finalmente encarar o seu rival – Eu sempre soube que seria você a me enfrentar no HOWnniversary, Zayn. Sabia o quão determinado você era mesmo antes de ingressar nesta empresa, nesta vez não poderia ser diferente. Eu estaria a mentir se dissesse que não me importaria com o vencedor do Elimination Chamber, pois a torcida do “Swerve” estava com você. Pode parecer confuso de entender, mas sei que, depois daquela nossa luta no New Beginning, os nossos caminhos se deviam voltar a cruzar. – fala com maior intensidade – Aquela noite deu uma amostra aos fãs de wrestling daquilo que é a essência desta modalidade, dois grandes atletas lutando por aquilo que acreditavam, e não haverá palco maior que o repetir do que no Main Event do maior evento do ano, o HOWnniversary. Sessenta mil fãs ali presentes a cantar o nosso nome, desta vez não por dezoito minutos, mas sim por trinta, quarenta ou até mesmo cinquenta. Porra, vamos dar aos fãs aquilo que eles merecem! – os fãs aplaudem.

Strickland: No entanto, você mudou…  Se transformou naquilo que jurou nunca se transformar. Antes você era alguém incrível, tinha o respeito de todos naquele locker room e era porque realmente o merecia. Talvez você até tenha sido o melhor lutador que passou nesta empresa, mas isso nunca se concretizou, e sabe porquê? Por causa desse seu ego. Você tinha os fãs na palma da sua mão, poderia ter uma chance por isto – ele ergue o título – a qualquer altura, pois era merecedor disso, porém espetou uma faca nas costas daqueles que mais o apoiavam, e é isso que eu me vai motivar na nossa luta, Sami. Lembra-se de Chris Hero? Eu nunca o vou perdoar por aquilo que fez a ele, lhe estragando completamente a sua despedida desta empresa e indústria. Ele sempre esteve aberto a receber qualquer jovem que atravessasse a porra daquela porta em busca de alcançar o seu sonho e você se mostrou moralmente patético. Você traiu aquele que lhe deu a chance de retornar a este ringue, aquele a que você deveria agradecer todas as noites. O seu verdadeiro carácter ficou definido no Chapter 13, mas a sua verdadeira guerra está se iniciando agora. Trabalhe, treine, reze, faça qualquer coisa que o possa ajudar, pois você não vai enfrentar um mero lutador no HOWnniversary. Você estará enfrentando o “Swerve”, o “Unwanted Survivor”, o “Wrestling’s Most Wanted”, o dono desta porra toda! Você estará enfrentando Shane Strickland e, caso você não se prepare adequadamente – ele olha para Roode – vai terminar insignificante e esquecido como esse velho que o acompanha!

Desta vez, Robert Roode não se controla e se aproxima novamente do campeão, lhe acertando um soco. Strickland sente o golpe e leva a sua mão à cara, porém não reage fisicamente. Ele apenas ergue o seu cinturão no ar em frente de Zayn antes de abandonar o ringue. “Swerve’s House” volta a ecoar para a saída do campeão que mostra um sorriso irônico no seu semblante e sob aplausos vindos dos fãs. Vamos para intervalo com os dois canadenses conversando no ringue.

Comerciais…

Retornamos do breve intervalo com Renee Young que se encontra no backstage para uma entrevista rápida. O seu convidado é nada mais, nada menos, que Angel Garza, que obteve uma vitória no Elimination Chamber sob Drew McIntyre após aplicar um Small Package. 

Young: Obrigado por tirar algum do seu tempo para esta entrevista, Mr. Garza. Entre as coisas que lhe quero perguntar estão algumas das questões que os fãs mais colocaram nas redes sociais. Em primeiro lugar, como se sente com a vitória sob Drew McIntyre e porque decidiu lhe dar uma revanche hoje?

Garza: Renee, nem sempre podemos estar assim acompanhados por uma mulher tão formosa como você, então o prazer é meu. Quanto a Drew McIntyre, eu mostrei a ele que não representa uma grande ameaça nesta empresa, apesar do seu tamanho e força. Ele me bateu inúmeras vezes, me aplicou vários Claymores e mesmo assim eu fui capaz de me levantar e vencer a luta. Só que ele parece não ter ficado satisfeito com a minha vitória por ter sido através de um Small Package, dizendo que foi apenas um golpe de sorte e que não o conseguiria repetir. Eu aceitei a sua revanche para provar àquele montón de mierda que eu sou capaz de o vencer uma vez mais.

Young: E a outra pergunta que lhe quero fazer é: Quais serão os seus objetivos após a luta desta noite?

Garza: Após eu voltar a derrotar Drew McIntyre, eu vou atrás de uma coisa que nunca tive a chance de vencer nesta empresa, títulos, e farei tudo o que está ao meu alcance para o conseguir. Mas eu não quero um título qualquer, aquele que estou de olho é no Pure Championship que está na posse de Kevin Steen. Ele me lembra bastante a personalidade do Drew e é por isso que sinto que sou capaz de o vencer para me tornar campeão.

Young: Muito obrigado pela entrevista, Garza, foi um prazer recebê-lo. De volta a vocês, rapazes.

Renee Young terminar então o segmento com um sorriso na cara e passa a transmissão aos nossos comentaristas. Eles falam um pouco sobre a luta que vai acontecer de seguida, especialmente dos seus intervenientes que vão realizar a sua estreia na empresa. Toca “Voices” e Randy Orton é o primeiro dos lutadores a realizar a sua entrada até ao ringue, sendo recebido com ligeiras vaias vindas dos fãs. Mankind surge depois com “Schizophrenic” e manca em direção do ringue com alguns aplausos da plateia.

Singles Match: Randy Orton vs Mankind

(8:19) Foi uma luta bastante física em que ambos os lutadores quiseram dar uma boa primeira impressão. No entanto, após falhar uma Diving Elbow, Mankind sofreu um RKO que ditou a sua derrota.

Vencedor: Randy Orton

O estreante se ergue após a sua devastadora manobra e encara a sua presa no chão, garantindo que a mesma está inconsciente. Só após isso é que ele comemora um pouco a vitória antes de um curto intervalo.

Comerciais…

Regressamos e assistimos um resumo da estreia de Elias no Elimination Chamber, onde protagonizou um segmento com Christian. Logo de seguida, um foco ilumina o ringue que mostra o lutador sentado com o seu violão. 

Elias: Olá, meu nome é Elias e venho tornar a vossa noite especial. No Elimination Chamber puderam assistir a uma amostra daquilo que eu posso fazer, mas infelizmente um homem patético veio até este ringue e interrompeu a minha performance. No entanto, aqui estou eu para realizar o momento mais memorável deste dia, e espero que sem interrupções. Guardem os aplausos, silenciem os celulares e calem a boca!

“Aqui estamos nós,
Aqui fazemos história,
Com Elias neste ringue,
Ficará na vossa memória.

Portland, cidade verde e ecológica,
Mas uma nódoa em esportes,
Dizem sempre que se esforçam,
Uma desculpa por serem fracotes.”

Todos os fãs presentes no Memorial Coliseum começam a soltar vaias na direção do lutador. Bastante irritado, ele tenta se sobressair ao falar.

Elias: Por favor, calem-se! – público vaia ainda mais – Isto não é sobre vocês, mas sim sobre mim, Elias, e irei continuar a minha música.

Ele volta novamente a tocar alguns acordes em seu violão, porém, quando se preparava para cantar, toca “Basic Thuganomics” e John Cena entra em direção do ringue sob alguns aplausos dos fãs. O ring announcer o apresenta, pois estará em ação de seguida. Quando adentra o ringue, Elias olha atentamente para Cena algo irritado pela interrupção, mas acaba saindo. Depois toca “Ghost Town Triumph” e Adam Page realiza a sua entrada sob algumas vaias. Antes da luta se iniciar, a câmera foca Gunnar Nelson, lutador de UFC, que se encontra na primeira fila junto ao ringue.

Singles Match: John Cena vs Adam Page

(11:01) Foi uma agradável de se assistir, onde Page tentou usar a sua velocidade contra a veterania de Cena. No final, foi o “Cenation Leader” alcançou a vitória após aplicar um AA

Vencedor: John Cena

O veterano se ergue e comemora a vitória sob alguns aplausos antes de abandonar a arena. No ringue, Page se ergue irritado com o resultado e sai do mesmo, ficando de frente para Gunnar Nelson, que estava na crowd. Após olhar para ele, Page acaba o surpreendendo e o empurra. Nelson não cai, apenas perde momentaneamente o equilíbrio, e tenta saltar a barreira para atacar Page, no entanto, alguns seguranças aparecem e o travam. O segmento terminar com Page rindo para o lutador de UFC por este não poder fazer nada quanto ao empurrão.

Comerciais…

Vemos algumas repetições das lutas referentes ao Intercontinental Championship e ao seu desafiante no Elimination Chamber, onde Keith Lee se tornou no novo campeão e The Miz ganhou a chance de o desafiar em pleno HOWnniversary. Toca “I Came to Play” e o “A-Lister” realiza a sua entrada até ao ringue sob uma chuva de vaias, ele estará realizando uma edição do MizTV. No ringue temos dois bancos que se encontram sobre uma carpete vermelha e que têm um microfone em cima.

Miz: Senhoras e senhores, garotas e garotos, sejam bem-vindos ao talk-show mais obrigatório da história desta empresa, sejam bem-vindos ao MizTV. – público disse o nome com Miz – Vocês sabem qual é a sensação de poder esfregar na cara do patrão as vossas vitórias? Eh, acho que não, pois todos vocês são fracos em demasia para o fazer, mas eu não. Leonardo me rebaixava a cada show, dizia que eu não tinha qualidade para segurar um cinturão, nem sequer para combater por um, porque me acha um “fujão”. No entanto, foi o próprio Leonardo que não deu caras desde a minha vitória contra John Cena e sabem porquê? Porque ele se sente envergonhado pelas suas palavras, ele sabe que eu sou um dos seus maiores ativos, mas lhe custa admitir isso. Porém, não estamos aqui para falar de Leonardo, mas sim de um dos combates mais esperados do HOWnniversary, onde eu, The Miz, irei finalmente conquistar o Intercontinental Championship. Sem mais demoras, eu lhes apresento a pessoa que bateu Kyle O’Reilly no Elimination Chamber e novo Intercontinental Champion…Keith Lee!

“Limitless” é tocada na arena e eis que surge Keith Lee com aplausos dos fãs. Ele caminha até ao ringue com o seu cinturão e um sorriso na sua cara. Quando entra, ele olha para Miz antes de erguer o título para um pop dos fãs, logo de seguida ele pega o microfone que estava em cima do banco. O seu desafiante diz para ele se sentar, porém ele insiste em ficar de pé.

Lee: Agradeço o convite, Miz, mas eu já sei como tudo isto funciona, então prefiro ficar de pé.

Miz: Desculpe, Lee, esqueci do seu tamanho e devia ter trazido um banco mais largo para você se sentar. – Miz ri, Lee não parece surpreendido com esse tipo de xingamento – Bem, tenho algumas perguntas para lhe fazer, então vamos começar porque não me pagam horas extra para ficar aqui. Como se sente após ter vencido o seu primeiro título na empresa? 

Lee: No início fiquei um pouco chocado, mas depois percebi que todo o meu esforço valeu a pena e culminou naquele momento. Quem me acompanhou percebeu que eu não estava numa boa fase da minha carreira, eu estava bastante irregular, pois tanto perdia uma como vencia outra. Decidi que estava na hora de mudar isso e ficar mais intenso, pois sei que eu tenho qualidade suficiente para brilhar na House of Wrestling. Foi aí que começaram a surgir mais resultados e, vendo que existia uma oportunidade de desafiar Kyle O’Reilly, não pensei duas vezes e me cheguei à frente. Sabia que era uma das poucas chances que teria antes do HOWnniversary e arrisquei, parece que no fim valeu a pena.

Miz: E agora que é campeão, o que podemos esperar de você? Vai mudar alguma coisa?

Lee: Mudar? Claramente que não! Eu me tornei campeão devido à minha persistência em chegar ao topo, treinando talvez como nunca havia treinado e com os fãs do meu lado. – ouve-se um pop dos fãs – Eu prometo treinar ainda mais, pois, agora que cheguei a esta posição, não me posso dar ao luxo de voltar a cair, mas a essência será a mesma. E ao contrário de certas pessoas, eu irei defender este cinturão contra qualquer um que se atreva a me desafiar.

Miz: Como já deve saber, eu serei o seu próximo desafiante, mais concretamente no HOWnniversary. Já se está habituando com o facto que irá perder posse desse cinturão? É que sejamos sinceros, todos sabem que The Miz está num patamar bastante acima de Keith Lee e que a sua vitória é garantida em frente de sessenta mil pessoas.

Lee: Miz, faça um favor a esta gente e cale a sua boca. – ele se aproxima do banco em que Miz está sentado e o encara a partir de cima – Todos sabemos que você é um fracasso de lutador e que tenta botar culpa nos outros quando é derr…

Os ânimos pareciam estar a se exaltar um pouco, no entanto, “Lightning & Thunder” é tocada e Kyle O’Reilly surge em direção do ringue sob vaias dos fãs. Dentro dele, Lee se afasta de Miz para tentar perceber o que se passa. Já o desafiante se levanta irritado com a interrupção de KOR e fala na sua direção. 

Miz: Quem você pensa que é para invadir assim o meu show? Você não foi convidado, então se ponha daqui para fora…

KOR: Calado, Miz, que não vim falar com você. – o canadense foca em Lee – Você pode me ter vencido no Elimination Chamber para ganhar o MEU título, mas a nossa história não se encerra assim. Como todos sabem, todo o ex-campeão tem direito a uma revanche pelo cinturão que perdeu e eu, neste preciso momento, irei reivindicar a minha no HOWnniversary.

Já irritado com a conversa, Miz puxa KOR para perto de si e fala na sua cara.

Miz: Você não se atreva a estragar o momento, seu canadense imundo. Você perdeu de forma clara na semana passada e nitidamente não merece uma chance de lutar de novo pelo título. Se afaste da luta imediatamente, senão eu lhe garanto que farei de tudo para o colocar num abismo sem fundo.

Interrompendo o discurso de Miz, Lee volta as atenções para si ao começar a falar.

Lee: Em primeiro lugar, Miz, eu é que sou o campeão e decido quem me enfrenta neste ringue, então faça o favor de se calar. Já quanto a si, Kyle, eu aceito o seu desafio, portanto, no HOWnniversary, ocorrerá uma Triple Threat Match entre mim, The Miz e Kyle O’Reilly!

O “Limitless” ergue o seu cinturão no alto para um bom pop. KOR permanece o encarando, porém Miz abandona de forma rápida o seu talk-show bastante irritado com toda a situação em que está envolvido.

Comerciais…

No backstage, vemos Kyle O’Reilly chegando e se encontrando com Kevin Steen.

Steen: Você fez exatamente o que tinha quer ser feito, Kyle. Não baixe a sua cabeça depois daquela derrota no Elimination Chamber, pois todos sabemos que você é mais do que capaz de possuir aquele cinturão. E não haverá lugar melhor do que no HOWnniversary para reconquistar aquilo que é seu por direito e para ambos os membros da Canada Versus Everyone serem campeões mais uma vez juntos.

KOR ouve atentamente as palavras de Steen e parece focado em voltar a ser campeão. Voltamos à arena, onde Christian está realizando a sua entrada ao som de “Just Close Your Eyes” sob aplausos dos seus peeps. Logo de seguida, toca “Bad Reputation” e Adam Cole entra também com uma boa reação dos fãs.

Singles Match: Christian vs Adam Cole

(14:30) Dois dos favoritos da crowd que deram um bom espetáculo para os fãs. Nos instantes finais, Cole dominava a luta e se preparava para aplicar um Panama Sunrise, no entanto, Christian recupera a tempo de lhe acertar um Dropkick que o faz cair desamparado para fora do ringue, tendo batendo com a cabeça na apron. O “Undisputed” fica inconsciente após isso acontecer e não responde à contagem de dez do árbitro, perdendo assim o combate.

Vencedor: Christian

O canadense comemora a sua vitória no ringue apesar de ser somente por count-out, enquanto alguns funcionários da empresa aparecem para checar o estado de Cole.

Comerciais…

É exibido um pequeno resumo da luta entre Angel Garza e Drew McIntyre no Elimination Chamber, bem como as reações de ambos os lutadores a um novo confronto. O “Scottish Psychopath” é o primeiro a realizar a sua imponente entrada até ao ringue ao som de “Broken Dreams”. Pouco depois, o mexicano surge ao som de “Club to Another World”, sendo recebido com alguns aplausos dos fãs.

Singles Match: Drew McIntyre vs Angel Garza

(0:30): Drew McIntyre dessa vez começa a luta com um ritmo mais lento, Garza querendo não se arriscar muito também adota essa estratégia, os lutadores passam grande parte do tempo se estudando, e o começo da luta acaba sendo sem ação nenhuma.

(1:21): Só alí que os lutadores buscaram algum tipo de ação, Drew tentava o grapple mas Garza sabendo que era mais fraco escapa várias vezes, até que chega o momento em que Drew é mais rápido e o prende num Headlock, Garza rapidamente usa sua força e novamente consegue escapar.

(2:30): Após ter aplicado um Big Boot em Garza, Drew prendia Garza em um Sleeper Hold, Garza desesperado consegue sair escorregando por causa do suor do corpo de ambos, mas já em pé Garza é recebido por outro Big Boot!”

(3:17): Drew fez a tentativa de um Future Shock DDT que acabou falhando, Garza rapidamente após escapar usa Basement Dropkick em Drew que caí de joelhos, mas Garza não para por aí e realiza um Omoplata em Drew, que rapidamente escapa sem nenhum problema.

(4:24): Garza aplicava vários Clotheslines em Drew que parecia não sentir nenhum golpe, Drew estava parado no centro do ringue pedindo pra Garza aplicar com mais força o golpe, Garza então pega impulso nas cordas e CLAYMORE! DREW FAZ GARZA DE TROUXA E JÁ VAI PARA A CONTAGEM! 1… 2 E KICK-OUT! Drew não fica surpreso com o Kick-out de Garza e logo depois trabalha algumas chaves em seu oponente.

(6:19): Com Garza ainda sentindo o Claymore, Drew tenta novamente o Future Shock DDT MAS GARZA CONSEGUE REVERTER NUM SMALL PACKAGE! 1… 2…

.

.

.

.

KICK-OUT!

DREW VAI PARA UM LADO E GARZA PARA OUTRO, DREW VAI PRA CIMA E ENZIGURI DE GARZA, ISSO ABRE ESPAÇO PRA UM WING CLIPPER, MAS DREW REVERTE EM UM FUTURE SHOCK DDT! Mas Drew vê seu adversário rolar para fora do ringue e perde a chance de realizar o pin.

(7:00): Já no lado de fora, Garza era submetido a brutalidade de Drew, o escocês aplicou um Inverted Alabama Slam em Garza que deu de cara na apron e já parecia estar desacordado! Drew arremessa seu adversário num Biel Throw para dentro do ringue, ele vai calmamente para dentro e parecia já ir para a contagem!

1!

.

.

.

.

2!

.

.

.

.

KICK-OUT!

Drew já estava furioso e já planeja dar um fim a Garza do jeito mais brutal possível.

(8:57): Após um Overhead Belly To Belly Suplex no corner, Drew leva seu adversário até a terceira corda e já tinha encaixado um Avalanche Air Raid Crash, mas no último segundo Garza consegue escapar, após uma batalha estranha no corner, Drew parecia sentir muito dor nas partes baixas, Garza com total controle vira Drew… Mas isso não é possível! Garza tentará acabar com a luta dali mesmo?! E ELE APLICA UM WING CLIPPER DA TERCEIRA CORDA E DREW JÁ CAÍ APAGADO! E GARZA VAI PARA A CONTAGEM!

1!

.

.

.

.

2!

.

.

.

.

.

3!

GARZA NOVAMENTE DERROTA DREW MCINTYRE!

Vencedor: Angel Garza

Garza comemora sua vitória com bastante vibração, e logo na transmissão é mostrado o Low-Blow que ele aplicou com o joelho em Drew sem o juíz ver, mas a luta já tinha tido seu fim e nada mais era possível de se fazer.

No backstage, vemos Dolph Ziggler percorrendo os corredores para ir até ao ringue depois do intervalo. No entanto, o mesmo encontra CM Punk, que foi o seu adversário no Elimination Chamber, que lhe dirige algumas palavras.

Punk: Na semana passada, você provou a todos que está ao nível dos melhores. O seu futuro nesta empresa depende apenas de você e das suas decisões, então não se desiluda a si mesmo, garoto.

Ziggler parece algo desconfiado com as palavras do “Best in the World”, mas apenas concorda com a cabeça e segue caminho.

Comerciais…

Toca “Here to Show the World” e Dolph Ziggler realiza a sua entrada até ao ringue. Ele fica parado no centro do ringue segurando um microfone enquanto ouve alguns fãs a cantar o seu nome, ele parece algo estranho com isso.

Ziggler: Desde o primeiro dia nesta empresa, eu sempre me coloquei acima de todos os outros. No entanto, isso apenas correu bem no início, onde eu consegui obter algumas vitórias talvez consideradas fáceis. Após isso, todos sabemos o que aconteceu…Não fui bem no Royal Rumble…Não me qualifiquei para o Elimination Chamber…Falhei ao conquistar o Pure Championship de Kevin Steen…E mais recentemente, perdi para CM Punk. Mas talvez tenha sido este último que me fez ver a realidade como ela realmente é. Ele fez me entender que eu tenho a qualidade suficiente para brilhar no topo, mas que, para o fazer, eu tenho que mudar. Não posso ser mais aquele lutador arrogante que vem aqui dizer que pode vencer qualquer um sem mostrar isso no ringue. Mas, acima de tudo, ele me fez ver que eu mereci o respeito daqueles que nunca respeitei, vocês.

Por alguns instantes, os fãs gritam “You deserve it”. Ziggler olha atentamente para os fãs antes de retomar o seu discurso.

Ziggler: Talvez eu nunca vos tivesse respeitado, porém vocês parecem dispostos a me dar a mão para chegarmos ao topo juntos. Então, parece que agora eu vos tenho que respeitar. A vida dá muitas voltas, mas o meu objetivo ainda se mantém. Eu quero chegar ao topo e ganhar títulos, nada disso irá mudar. Eu irei entrar constantemente neste ringue para dar o melhor de mim…Oh se eu o posso fazer, todos irão perceber porque me chamam de “Show-Off”, porque eu ofusco qualquer lutador desta empresa, basta eu querer. Então, está na hora de lutar por algo melhor sem fracassar, todos vós verão o melhor Dolph Ziggler possível nos próximos tempos. E, Kevin, eu acho que nós ainda temos alguns assuntos por resolver. Você pode me ter derrotado na última vez que nos cruzamos, mas todas estas pessoas querem mais uma chance. – o público concorda – Então, fique sabendo que eu o estarei esperando no HOWnniversary para uma revanche. Não importa se você tenta fugir, pois eu irei garantir que isso se concretiza e, mais importante que isso, irei garantir que você perca essa cinturão de uma vez por todas!

O “Show-Off” atira o microfone para o assistente de produção e faz algumas comemorações antes de abandonar a arena. Ele parece bastante focado em mudar o seu passado de derrotas para um futuro brilhante.

Comerciais…

Assim que voltamos do intervalo, um grande anúncio é realizado pelos nossos comentaristas. Chris Hero vai estar presente na próxima semana para abordar a luta entre Shane Strickland e Sami Zayn no HOWnniversary. Isso faz o público soltar um enorme pop.

Está na hora de mais uma luta ser realizada neste show. Jimmy Havoc é o primeiro lutador a realizar a sua entrada até ao ringue ao mesmo tempo que “The Art of Suffering” é tocada. Logo depois surge CM Punk com “Cult of Personality”, sendo extremamente bem recebido pela plateia. 

Singles Match: Jimmy Havoc vs CM Punk

(0:20): Os lutadores rapidamente realizam o grapple e tentam sair por cima na situação, por um deslize CM Punk quase já ia recebendo um Acid Rainmaker de Havoc, mas Punk se abaixa bem na hora. Os Havoc começa a rir do vacilo de Punk, e Punk começa a rir da tentativa de Havoc aplicar seu finisher tão cedo.

(1:17): Havoc tinha levado Punk até corner e fazia o seu adversário ficar pressionado alí, o juíz realiza a contagem e Havoc solta Punk antes do 5, ele tenta voltar mas o juiz não deixa, MAS PUNK TENTA UM SUPERKICK MAS HAVOC ACERTA A PERNA DE PUNK! Havoc dá um fortíssimo chute na coxa de Punk que rapidamente sente o golpe e caí, Havoc ameaça ir mas o juiz novamente evita.

(2:00): O juiz chegou a perguntar se Punk queria continuar a luta e esse disse com ênfase que sim! Punk já está de pé Havoc tenta focar na perna de Punk que consegue repelir todos os ataque de Havoc mesmo com dificuldades.

(3:19): Os lutadores faziam no centro do ringue uma grande trocação de Forearm Smash, Havoc consegue tirar vantagem e consegue aplicar uma grande sequência deste golpe em Punk que só tinha opção de defesa recuar, mas chegou um momento que nem isso foi útil, numa atitude equivocada Punk mesmo tonto parte pra cima mas Havoc o recebe novamente com Forearm Smash! E dessa vez Punk caí no ringue e Havoc tenta a contagem mas Punk saí ainda no 0.

(4:01): Punk tinha conseguido reverter um golpe de Havoc e tomava controle da situação, ele consegue aplicar um belo Falcon Arrow e rapidamente conseguiu “encaixar” um Anaconda Vise mas Havoc conseguiu colocar o seu outro antebraço no seu pescoço e acabou atrapalhando a submissão de Punk, que percebendo que estava sendo em vão e logo depois abandona a chave e deixa Havoc livre.

(4:59): Punk havia jogado Havoc no corner e aplicou um Corner High Kick e continuou na posição e antes de ele realizar sua catchphrase, Havoc consegue REVERTER O GOLPE E COLOCOU PUNK NA POSIÇÃO DE UM POWERBOMB, E ELE LOGO DEPOIS APLICA UM FODENDO RUNNING POWERBOMB NO OUTRO CORNER! Punk fica se contorcendo na lona enquanto Havoc planeja um pouco das suas próximas ações.

(6:35): Os lutadores novamente estavam trocando golpes no centro do ringue, dessa vez eram vários Chops que eram trocados alí, Havoc pediu pra Punk dar um golpe mais forte E PUNK O ACERTA COM UM ROUNDHOUSE KICK! E SEM PERDER TEMPO PUNK JÁ ENCAIXA UM PILEDRIVER E VAI PARA A CONTAGEM! 1… 2… E KICK-OUT!

(7:26): Era mostrado o replay do  Piledriver de Punk, mas enquanto isso no ringue, Havoc estava se levantando dentro do ringue e Punk estava na apron com um Flying Clothesline engatilhado. Punk pula MAS HAVOC O PEGA E REALIZA UM SCOOP LIFT BRAINBUSTER BRUTAL EM CIMA DE PUNK QUE APÓS A QUEDA PARECIA DESACORDADO.

(9:57): Havoc tinha levado Punk até o topo do corner e tentou aplicar um Superplex mas Punk conseguiu prender as suas pernas no corner e evitou o golpe, com isso ele consegue surpreender Havoc e logo consegue dar alguns socos em seu adversário ele se levanta no corner e não… Ele não pode fazer isso! AVALANCHE SIT-OUT GUTWRENCH POWERBOMB! E PUNK JÁ REALIZA O PIN!

1!

.

.

.

.

.

2!

.

.

.

.

.

.

2,7… E KICK-OUT!

HAVOC AINDA ESTAVA VIVO APÓS ESSE GOLPE! Punk lamenta muito após o Kick-out.

(11:01): Punk tentou acabar a luta com seu GTS, mas Havoc consegue escapar e pegar Punk de costas, ele pega o braço de Punk E GIRA ELE E LOGO APLICANDO UM ACID RAINMAKER! E LÁ VAI ELE PARA A CONTAGEM!

1!

.

.

.

.

.

2!

.

.

.

.

.

.

.

.

E KICK-OUT!

(13:36): Os lutadores após vários golpes de tamanha força já se encontravam exaustos, Havoc estava com a vantagem e estava com mais um Acid Rainmaker engatilhado, Havoc querendo um golpe mais brutal possível deixa Punk solto no meio do ringue e vai até às cordas pegar impulso pra um Running Acid Rainmaker, mas o que ele não esperava que Punk o seguiu e conseguiu aplicar um Corner High Kick em Havoc que estava nas cordas dessa vez, Punk mesmo após o golpe saí cambaleando para trás e com Havoc acontece o mesmo, eles se encontram no meio do ringue novamente e Havoc tenta um Forearm Smash mas Punk escapa indo por baixo, na esquiva ele pega o braço de Havoc E VIRA HAVOC APLICANDO UM ACID RAINMAKER! O PÚBLICO REAGE BEM A OUSADIA DE PUNK QUE LOGO REALIZA DESSA VEZ O SEU FINISHER, O GTS!

1!

.

.

.

.

.

.

2!

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

3!

CM PUNK COLOCOU JIMMY HAVOC PARA DORMIR!

Vencedor: CM Punk.

Punk comemora sua vitória diante Jimmy Havoc e o público reage bem ao final da luta. Logo depois, o show vai para os comerciais.

Comerciais…

Rapidamente os fãs começam uma chuva de vaias, pois toca “Hero”. Seth Rollins surge bastante odiado em direção ao ringue, onde se prepara para realizar um discurso.

Rollins: Calma, galera, eu só venho falar. Na semana passada, eu tive a um pequeno passo de me tornar no novo desafiante ao HOW Championship, onde finalmente poderia destronar Shane Strickland no maior palco de todos. Pois bem, parece que nos vamos que ter que nos contentar com o fracasso que Zack Sabre é. Primeiro, fica sem poder ter filhos. Depois é eliminado por mim no Royal Rumble e, como se não bastasse, ainda foi eliminado por mim novamente no Elimination Chamber. O cara vive na minha sombra, nunca me vai conseguir superar na vida. Eu teria vergonha de ser igual a ele. Pelo lado positivo, ainda bem que ele não poderá filhos, pois assim evita passar os seus genes de derrotado aos seus descendentes!

Rollins solta uma risada após essas palavras e continua a falar, no entanto, enquanto o faz, alguém desce pelo público sem ele perceber.

Rollins: Se algum dia ele me enfrentar num combate individual, o resultado final já está mais que decidido, então nem vale a pen…

Neste exato momento, Rollins sofre uma cadeirada em suas costas, a qual o faz contorcer de dor no chão. O seu atacante era nada mais nada menos que o seu velho rival, Zack Sabre Jr. Este não se interessa por mais nada além de Rollins, não reagindo ao público ou a qualquer outra pessoa.O britânico acerta várias cadeiradas nos mais variados lugares do corpo de Rollins, desde costas, abdômen, pernas e braços. Ele atira o seu rival para fora do ringue sem lhe dar qualquer chance de revidar e torce o seu braço numa posição que dá para pisar a sua mão. Ele aproveita isso para dar uma forte pisadela no braço, o que possivelmente lesiona o braço do “Architect”. Alguns médicos aparecem no local para tentar socorrer o lutador, mas temem se aproximar devido ao estado possesso do britânico. Bastante relutantes, eles o fazem, no entanto, ZSJ os empurra violentamente, fazendo inclusive um deles bater com força na barreira. O próprio público começa a perceber que ele já passou dos limites e começa a soltar algumas vaias, especialmente depois de atacar os médicos. Ele não quer saber de nada e puxa os braços de Rollins ao mesmo tempo que dá fortes pisões na sua cabeça contra o aço da rampa de entrada.

Rollins já se encontra inconsciente, porém ZSJ ainda pega na cadeira que usou anteriormente e a coloca em volta do braço já machucado para prender uma submissão. Rollins grita tão forte de dor que qualquer ser humano presente naquela arena sente o seu sofrimento. Mas mesmo assim, Sabre Jr mantém a manobra por mais de um minuto, talvez até dois. O tempo parece interminável para Rollins que não encontra fuga possível para aquilo. Desta vez são seguranças que aparecem para acabar com o ataque e, com algum esforço, conseguem separar os dois lutadores. Os médicos voltam a se aproximar de Rollins para o ajudar, desta vez podendo realizar o seu trabalho, pois os seguranças assim o permitem. Um deles está agarrando ZSJ, mas o britânico lhe atinge com algumas cotoveladas para se soltar e, logo de seguida, cospe na sua cara, o que faz soltar ainda mais vaias dos fãs. Antes de abandonar a arena, ele faz o dedo do meio para Rollins caído no chão cheio de dores no seu braço.

Vamos para intervalo com os fãs vaiando e Seth Rollins sendo assistido.

Comerciais…

Assim que voltamos vemos Leonardo se encontrando com Zack Sabre Jr, estando bastante irritado com o que se passou antes do intervalo. Ele dá uma forte reprimenda ao britânico, porém, sem nenhum tipo de medos, o “Technical Wizard” responde de forma bastante autoritária.

ZSJ: Você não me dirige a palavra nesse tom. Pouco me importa se você é um lutador, o dono desta empresa, a rainha de Inglaterra ou o Papa, pois não me dará ordens de como comportar naquele ringue. Você nada fez para castigar Seth Rollins e nem me deu uma única chance de o fazer individualmente numa luta, então resolvi fazer as coisas da minha maneira. Ele se atreve a falar da minha família, eu não poderia ficar de braços cruzados. E mais um aviso, caso você se volte a colocar no meu caminho, eu o verei como um inimigo e corre o risco de lhe acontecer o mesmo que acabou de acontecer a Seth Rollins, então faça o favor de desaparecer da minha frente!

ZSJ continua o seu caminho pelo backstage bastante irritado enquanto Leonardo fica sem reagir após uma ameaça daquelas. 

Depois de vermos Rollins a ser levado por uma ambulância, voltamos à arena para receber o último combate da noite. Em primeiro lugar, o desafiante, AJ Styles, realiza a sua entrada até ao ringue ao som de “Phenomenal”. Ele é seguido pelo Atlas Champion, Luke Harper, que surge com “Swamp Gas”.

Atlas Championship Match: Luke Harper (c) vs AJ Styles

(1:15) O gongo soa e o campeão tenta cercar o desafiante, mas AJ se afasta para o corner mais distante e analisa Harper com desconfiança. Após alguns segundos, eles entram em clinch no centro do ringue – o Backwoods Brawler joga o Phenomenal One com um Biel Throw para o corner facilmente e o encara enquanto realiza sua taunt. Styles tenta equilibrar o combate com a sua técnica, mas Harper o levanta com um Leg Caught Powerbomb e o coloca sentado na terceira corda e se afasta aplaudindo ironicamente o seu desafiante.

(6:50) Harper controlou Styles com um Gator Roll e rolou duas vezes com ele no centro do ringue antes de fazer a transição para o Crossface. Ele consegue cansar o desafiante, mas larga o hold e acerta fortes Clubs nas costas de Styles e o ergue com um Overhead Gutwrench – o Phenomenal One consegue deslizar para as costas do campeão e vai para um rápido Headlock – o Backwoods Brawler o ergue em um Back Suplex – AJ consegue o Backflip no ar e aterrissa de pé! Styles empurra Harper para as cordas e se joga com um Dropdown que o campeão passa por cima e acelera contra as cordas opostas – Styles salta com um Leapfrog por cima do campeão e se impulsiona nas cordas – a crowd e AJ são surpreendidos pelo Leapfrog do grandalhão! AJ pega impulso novamente mas recebe um Dropkick de Harper!

Styles é jogado para o ringside e bate na mesa dos comentaristas, frustrado – mas já é atingido pelo Suicide Dive do campeão! O Backwoods Brawler puxou o Phenomenal One pelos cabelo e o jogou com violência contra os steels steps! Harper pegou a carcaça do desafiante e o jogou com violência contra o apron com um Lifting Facebuster! Styles colapsou sem nenhuma reação!

Harper deslizou para dentro do ringue para interromper a contagem e prendeu a cabeça de AJ entre o poste do ringue e o turnbuckle e se afastou. O Backwoods Brawler realizou sua taunt antes de acelerar para um violento Big Boot – Styles consegue se jogar para longe! Harper prende a perna entre o poste e o turnbuckle! O Phenomenal One desestabiliza mais o desafiante com um lindo Pelé Kick! Styles vê a posição perfeita para acertar a perna de apoio com um Basement Dropkick! Styles subiu no apron e pisoteou o joelho da perna presa do campeão enquanto a crowd vaiava e íamos aos comerciais!

(8:00) Harper conseguiu vencer a contagem no 9 e tentou acelerar contra o desafiante – Styles respondeu com seu Dropkick! O Phenomenal One derrubou o Backwoods Brawler com um Snap Suplex contra o corner! O campeão ricocheteou com o impacto no corner e caiu de joelhos no centro do ringue – Styles viu a posição perfeita para se lançar com um Stylin’ DDT! O desafiante tenta a contagem e…

.

.

1!

.

.

2!

.

.

Harper consegue jogar Styles para longe e senta no centro do ringue – o Phenomenal One acelera contra as cordas para acertar um rápido Sliding Forearm Smash seguido por um Jumping Knee Drop! AJ aproveita a posição e prende o campeão com um Leglock e acerta diversos Elbow Smash contra o joelho lesionado!

(12:43) Styles percebia que Harper se recuperava cada vez mais, então abusou das regras o máximo que podia. O Phenomenal One prendeu a perna do Backwoods Brawler na segunda corda e o assaltou com Elbow Smashs! O árbitro separa os dois e tenta checar as condições do campeão – o desafiante joga o árbitro no chão e ergue Harper um Shin Breaker e joga no turnbuckle com violência! O campeão cambaleou para o centro do ringue e Styles o derrubou com um Ushigoroshi seguido da contagem e…

.

.

1!

.

.

2!

.

Harper consegue o kickou rápido e se balança em negação! O Phenomenal One vai para um rápido Figure-Four Leglo- Harper consegue o Small Package!

.

.

1!

.

.

2!

.

.

Styles consegue o kickout e se levanta de prontidão e dispara um rápido Jumping Enzuigiri Kick! Harper é completamente atordoado e cambaleia para longe – Styles o puxa pelo cabelo e o acerta com a Phenomenal Blitz – no momento do Discus Lariat, o campeão reverte com um Michinoku Driver! Harper atira Styles com um Irish-Whip para as cordas próximas e o Backwoods Brawler acelera com um Big Boot – Styles conecta rapidamente o Calf Crusher para o desespero do campeão Atlas!

(14:00) Harper mordeu suas próprias mãos para evitar desistir! Styles continuava dobrando cada vez mais o hold e mandava o campeão desistir! Harper conseguiu se arrastar ainda preso e conseguiu agarrar a corda infer- Styles rolou com o Calf Crusher para o centro do ringue! O campeão bate a cabeça do desafiante diversas vezes contra o tablado até o largar! 

Harper se segurou nas cordas do corner e se levantou – Styles tentou prender o Calf Crusher novamente – Harper se segurou no corner e evitou o movimento e levantou o Phenomenal One com um Deadlift Buckle Bomb! AJ ricocheteia no corner e o campeão o finaliza com um Truckstop surpresa! A crowd solta um grande pop para o finalizador! Harper se arrasta para cobrir o desafiante – mas Styles rola para o apron!

(16:41) O campeão se ergueu com dificuldades e acelerou para acertar o desafiante no apron – Styles consegue o Hot Shot! O Phenomenal One recupera seu fôlego no apron e se prepara pro Phenomenal Fore- SUPERKICK! Styles cai novamente na parte mais dura do ringue!

O Backwoods Brawler puxa o desafiante pelo cabelo até o corner e o puxou para um Superplex- Styles consegue soltar a posição e desce para o apron novamente para disparar um Enzuigiri! O Phenomenal One escalou a terceira corda e deslizou por entre o Atlas Champion e o corner e – a crowd está surpresa! AJ Styles carrega Luke Harper até o centro do ringue com um Torture Rack! O desafiante estica as extremidades do campeão diversas vezes antes de fazer a transição no Torture Rack Bomb! Styles tenta a contagem e…

.

.

1!

.

.

2!

.

.

O campeão consegue levantar seu ombro e evita o fim de seu reinado! Styles se levanta com gritos de indignação com a contagem e vai para o apron e grita “Você não merece isso, Brodie!” e salta nas cordas para o Springboard 450° SPLASH! Styles protege seu abdômen após o impacto e vai para a contagem e…

.

.

1!

.

Harper consegue o kickout quase que instantâneo para aplausos da crowd e fúria de Styles! O campeão se coloca de pé mesmo completamente exausto pelo combate, então Styles o coloca na posição inicial para o Styles Clash e usa toda sua força para tentar tirar o Backwoods Brawler do chão, ao perceber que não conseguiria, Styles acertou violentas cotoveladas na coluna de Harper! AJ realizou sua taunt com os braços abertados e preparou o Styles Cl- Half Nelson Suplex de Harper! Styles recebe todo o impacto em seu pescoço e cai de pé! Harper acelera com um Big Boot que vira o desafiante do avesso perto das cordas! O Atlas Champion tenta a contagem e…

.

.

1!

.

.

2!

.

.

Styles consegue colocar o pé na corda inferior! Harper encara a terceira corda e realiza sua taunt antes de escalar a terceira corda de costas…

(18:00) Harper se preparava para um Moonsault, mas Styles foi capaz de acertar a perna lesionada com um Clothesline e fez o campeão cair com a genital no poste do corner! Styles se esgueirou por entre o corner e o campeão e tentou levantar ele na posição do Powerbomb, mas o campeão conseguiu acertar sua cabeça com cotoveladas e evitou. O Prodigal Son conseguiu se sentar de frente para o ringue no topo da terceira corda e puxou AJ pelos cabelos – o Phenomenal One solta e dispara um rápido Pelé Kick que atordoa completamente o campeão!

Styles vai para o apron com dificuldades e se prepara para algo perigoso. O Phenomenal One salta nas cordas e vai para um Springboard Avalanche Hurricanrana – HARPER REVERTE EM UM AVALANCHE SITOUT POWERBOMB!! AJ STYLES É CATAPULTADO PARA O LADO OPOSTO DO RINGUE COM A FORÇA DO IMPACTO! A crowd está de pé após o incrível movimento!

O campeão se ergue com dificuldades com auxílio do mesmo corner e bufando observa Styles tenta se erguer e falhar! Após alguns segundos com a crowd enérgica, Styles consegue ficar de pé – Harper se aproxima com um avassalador Discus Clothesline que vira o desafiante do avesso! Luke Harper coloca AJ Styles de costas no tablado e realiza o pinfall e…

.

.

1!

.

.

2!

.

.

3!

Luke Harper retém o Atlas Championship!

Vencedor: Luke Harper

Após o gongo soar e o anunciar que Luke Harper continua seu reinado, o campeão recebeu seu cinturão e posou no centro do ringue realizando sua taunt para aplausos da crowd presente. Harper continuou imóvel com seu cinturão enquanto o árbitro tentava servir de apoio para Styles se levantar, mas o Phenomenal One empurra o árbitro para longe e se levanta com a ajuda das cordas.

AJ para frente a frente com Harper sem falar nada, a crowd simplesmente aplaude a performance dos dois competidores. Do nada, Styles rouba o cinturão do campeão e observa ele enquanto a crowd reage surpresa – AJ após alguns segundos deposita o cinturão no ombro largo do campeão e aproxima seu punho – Harper o encara com um sorriso malicioso e o cumprimenta com o fist bump antes de sair do ringue por cima da terceira corda.

 Harper cumprimenta alguns fãs na primeira fileira – AJ STYLES ACERTA O CAMPEÃO NA NUCA COM UM SLINGSHOT PHENOMENAL FOREARM! Styles assalta violentamente o campeão com socos e chutes! O árbitro tenta separar os dois, mas Styles joga o árbitro de cabeça na barricada! O Phenomenal One provoca a crowd enquanto uma chuva de vaias toma conta da arena! Styles arrasta Harper pela barba e o coloca com a cabeça no poste do ringue e usa o Atlas Championship como um chicote para punir o campeão!

 AJ Styles está possesso e arrasta a carcaça pesada do Prodigal Son até próximo da mesa dos comentaristas, onde o Phenomenal One retira os televisores e os apetrechos e a limpa completamente. AJ arrastou Harper até o topo da mesa e o colocou na posição do Styles Clash e realizou sua taunt para que mais vaias caíssem em peso sobre ele antes que ele esmagasse o campeão com um Styles Clash que destruiu a mesa!

 Os seguranças e a equipe médica desciam a rampa enquanto Styles jogava os destroços da mesa sobre o campeão, jogando as cadeiras em cima e por fim, colocou o Atlas Championship em cima da pilha que cobria completamente o corpo de Luke Harper. É dessa forma que o show é dado como encerrado.

Fim de show!