Momentos (ou lutas) que vocês precisam conhecer da TNA

Rodrigo 22/07/2020

Recentemente fomos pegos com a boa repercussão que foi o pay-per-view da IMPACT Wrestling, o Slammiversary. Várias estreias e principalmente os retornos de grandes lutadores que marcaram a história da empresa. Mas este texto não vem exaltar a IMPACT Wrestling, e sim sua antecessora, a TNA (Total Nonstop Action) que existiu de 2002 à 2017 com esse nome.

Existem vários momentos que ficarão de fora, como o emblemático combate de Jeff Hardy e Sting no Victory Road 2011; o embate de grupos como a Fortune e Immortal; a Aces & Eights.

Alguns não foi encontrados trechos ou momentos dos combates, mas ficam como indicações para vocês.

#10: JEFF HARDY VS. AUSTIN ARIES – BOUND FOR GLORY 2012

Um belo combate no maior pay-per-view da empresa, Jeff Hardy tinha acabado de vencer o Bound For Glory series, derrotando Bully Ray no No Surrender, mesmo lesionado, e depois disso, foi para o Bound For Glory para enfrentar o campeão Austin Aries.

O interessante é se notar que esse push de Jeff foi para que ele renovasse contrato com a empresa, já que o seu estaria quase no fim. Ao fim, Jeff Hardy aplica o Swantom Bomb e faz o pinfall para vencer o titulo.

#9: GAIL KIM VS. TARYN TERRELL – SLAMMIVERSARY XI

Duas grandes lutadoras, Gail Kim e Taryn Terrell, num combate que era uma Last Knockouts Standing Match. O combate contava com ODB como guest referee. Essa luta não envolveu o titulo, que estava em posse de Velvet Sky. Foi um combate curto até, com cerca de 9 minutos, vencido por Terrell, mas finalizado com um spot incrível para o ano em que foi lançado.

#8: A.J. STYLES & DANIELS VS. LAX – NO SURRENDER 2006

Aqui temos a primeira Ultimate-X Match. Era um combate com quatro pilares com dois cabos conectados ao meio do ringue, onde o titulo ficaria pendurado, no entanto, nao havia escadas, era preciso escalar sobre os cabos para pegar o titulo e vencer o combate.

Vemos aqui AJ Styles e Daniels juntos, rivalizando contra LAX (Latin America Xchange) que depois seria futuramente reformulada e teriam Santana e Ortiz como membros, hoje na AEW. AJ e Daniels teriam vencido a LAX no PPV anterior, o Hardcore Justice e perdido nesse meio.

#7: JAMES STORM VS. BOBBY ROODE – LOCKDOWN 2012

Aqui vemos uma das maiores duplas da TNA separadas, a Beer Money INC. Que venceram quatro vezes o TNA World Tag Team Championship. Roode havia vencido o Bound for Glory series, desafiou o campeão Kurt Angle mas saiu derrotado. James Storm se tornou desafiante e venceu Angle para se tornar campeão. Após Roode vencer Samoa Joe, tornou-se #1 contender ao titulo de seu amigo. No episodio de 3 de Novembro, temos um dos maiores Heels Turn da história, onde Roode ataca Storm com uma garrafa de cerveja (A MARCA REGISTRADA DA DUPLA). Após várias defesas de titulo, chegou o momento de ver seu ex-parceiro sozinho, e pra ficar mais emocionante, numa Steel Cage Match (ELES HAVIAM SE ENFRENTADO APENA NO AGAINST ALL ODDS, MAS O COMBATE TAMBÉM CONTAVA COM BULLY RAY E JEFF HARDY). Era pra estar os dois momentos aqui mas optamos pelo reencontro dos dois (MAS VALE A PENA VER O PRIMEIRO TAMBÉM). Luta com tudo que temos direito de ver em uma Steel Cage, garrafas de cerveja sendo usadas, belos golpes e finishers sendo aplicados de todos os lados.

#6: AUSTIN ARIES VS. BOBBY ROODE – DESTINATION X 2012

Alguns meses se passaram e chegamos onde Bobby Roode enfim perdeu o titulo, para Austin Aries no Destination X 2012. Até esse evento, Aries era o X-Division Champion (E O REINADO MAIS LONGO) e decidiu que queria uma chance pelo TNA World Heavyweight Championship. Hulk Hogan, então general manager decidiu que se ele realmente quisesse uma chance, teria que abandonar o titulo do X-Division. Aries concordou e isso passou a ser uma regra anual do PPV. Qualquer X-Division Champion poderia abandonar o titulo e lutar pelo World Title no PPV Destination-X (O MESMO ACONTECEU COM CHRIS SABIN NO ANO SEGUINTE, ABANDONANDO O TITULO E LUTANDO CONTRA BULLY RAY). O interessante é que o reinado de Aries durou até o Bound For Glory, onde perdeu para Jeff Hardy, já citado aqui na décima posição.

#5: GAIL KIM VS. AWESOME KONG – FINAL RESOLUTION 2008

Eu achei justo colocar dois combates da pra mim, maior Knockout da história da TNA e a única mulher presente no Hall da Fama da TNA. Agora uma No Disqualification match pelo TNA Women’s Knockout Championship entre Kim e Awesome Kong (CONHECIDA NA WWE COMO KHARMA E AGORA NA AEW).

Kim mais incrível do que nunca enquanto Kong representava o melhor de uma Knockout heel, imparável. Um brawl após a luta entre as duas, envolvimento de outras lutadoras, enfim, belo combate. E quinta posição para elas.

#4: DAVEY RICHARDS & EDDIE EDWARDS VS. JEFF HARDY & MATT HARDY VS. BULLY RAY & DEVON – NO SURRENDER 2014

Agora um combate mais novo, em uma Full Metal Mayhem (A VERSÃO DA TNA DE UMA TLC MATCH), onde temos duas das lendárias duplas HARDCORE, a Team 3D e os Hardys, junto de uma das tags mais completas que eu já vi, Davey Richards e Eddie Edwards.

Combate cheio de spots que você pode e deve esperar dos Hardys. O hardcore nas tags matchs deve muito aos Dudleys e ao Hardys. Final com vitoria dos lobos. Mas um combate que você precisa assistir. Há outros combates entre essas duplas, como um nas gravações do No Surrender em 2014. Mas esse merece nosso foco.

#3: ALEX SHELLEY & CHRIS SABIN VS. JAMES STORM & ROBERT ROODE – TNA IMPACT! TAPING 2010

Depois de vermos Roode contra Storm, é hora de vê-los juntos, como membros da Beer Money e enfrentando a Motor City Machine Guns formada por Alex Shelley & Chris Sabin durante um show do iMPACT em 2010.

Um combate que teve de tudo, envolvendo dois árbitros ao mesmo tempo, contagens juntas, empate. (O COMBATE ERA UMA MELHOR DE 3). Quando comecei a ver TNA, foram as duas duplas que mais me chamaram a atenção, (INCLUINDO A GENERATION ME, QUE HOJE É OS YOUNG BUCKS).

#2: CHRISTIAN CAGE VS. JEFF JARRETT – AGAINST ALL ODDS 2006

Senhoras e senhoras, apresento-lhes Christian Cage, alguém que conseguiu na TNA o que nunca conseguiu nos ringues da WWE, estreou na TNA em 2005, chegou em fevereiro de 2006, no Against All Odds para enfrentar Jeff Jarrett, fundador da empresa e dono do TNA World Heavyweight Championship. O combate contou com interferência de Gail  Kim a favor de Jarrett, mas nada adiantou, Christian superou tudo, trapaças como: ataque de Jarrett no juiz, low blow, ataque com o violão e saiu vitorioso e como campeao do evento. Na TNA foram duas conquistas do World Heavyweight Championship, reinados somados de 245 dias, bem mais do que o feito de Christian como WWE World Heavyweight Champion na WWE.

#1: A.J. STYLES VS. DANIELS VS. SAMOA JOE – TNA UNBREAKABLE 2005

Existem combates que marcam épocas, outros marcam carreiras, nesse caso, esse marcou uma empresa. O combate mais antigo da empresa, realizado em 2005, quando a TNA começava a gatinhar para seu crescimento. (VALE DESTACAR QUE ESSE PAY-PER-VIEW TEVE APENAS ESSA EDIÇÃO, ANTES DE RETORNAR EM 2019, COMO UM EVENTO ESPECIAL NO IMPACT WRESTLING).

O campeão era Christopher Daniels, enfrentando AJ Styles e Samoa Joe num combate de pura química no ring. (TANTO QUE ELES VOLTARIAM A SE ENFRENTAR EM 2006, NUM DESTINATION X, AGORA COM VITORIA DE DANIELS E NO TURNING POINT DE 2009, MAS PELO WORLD HEAVYWEIGHT TITLE). Com toda certeza, é o combate em que TODOS deveriam assistir, sejam fãs saudosistas da TNA ou apenas fãs de PW.